fbpx
  • Home
  • /
  • Blog
  • /
  • Estratégias de marketing: planejamento estratégico no e-commerce

Estratégias de marketing: planejamento estratégico no e-commerce

marketing |
31 de agosto de 2015
0 Comentários
Por: Rafael Rangel

Etapas fundamentais para um planejamento estratégico para seu e-commerce

estrategias-de-marketing-planejamento-estrategico-no-e-commerce
 

Um e-commerce não é diferente dos negócios off-line quando o assunto é planejamento estratégico antes de começar a trabalhar de fato no negócio. Porém, é no planejamento que alguns equívocos acontecem e devem ter em mente que não se tratar apenas em refletir tudo sobre o mercado e, logo em seguida por todas as ideias em prática. É fundamental neste momento importante no e-commerce que sejam traçadas as suas atitudes e medias estratégicas que visam melhorar ao máximo todas as etapas em um processo de gestão de sua loja virtual.

É fato que a grande maioria dos negócios que não deram certo, o principal fator decisivo foi a falta de planejamento estratégico. Sem todas as estratégias consistentes de ação, é fácil vermos que as coisas acabam ficando mais confusas e que o empresário não se dê conta de gerenciar tudo ao mesmo tempo. Por isso, é importante que a gente saiba separar o todo em partes e analisa-las uma a uma, sempre com o objetivo principal, que é o do resultado final do conjunto.

E para começarmos as etapas do planejamento estratégico para seu e-commerce, devemos partir pelo primeiro passo que é realizar uma extensa análise de seu mercado. Nesses tempos de instabilidade financeira no país, este pode ser o passo mais decisivo de todos. É fundamental identificar qual o segmento escolhido, se há espaços para uma boa atuação no comércio eletrônico ou se o modelo já em encontra saturado na internet. Neste momento, muitas ideias de e-commerces de nicho surgem, pois é uma alternativa que vem dando muito certo, mesmo para os setores mais saturados no mercado. A definição de seu público-alvo é imprescindível, assim como a escolha do modelo a ser trabalho, se é B2B ou B2C.

Na etapa seguinte no planejamento, é preciso ter a definição da plataforma ideal para o e-commerce. No mercado existem vários modelos de plataformas, seja elas exclusivas, para alugar e open source. A plataforma deverá corresponder às expectativas do empreendedor.

A outra etapa corresponde ao planejamento estratégico de marketing digital, que é a etapa vital para o sucesso de qualquer e-commerce. É uma área que pode parecer confusa para quem ainda não entende do assunto a fundo, por isso, o ideal é a contratação de uma agência digital que seja especializada no assunto. Ou o empreendedor pode optar por montar uma equipe própria, o que é bem mais caro do que a primeira opção, porém, é o ideal para um negócio online. Ter funcionários capacitados se tornam mais úteis, entendem as ferramentas com as quais estão lidando e sabem o que cobrar da agência escolhida. Entre as ações importantes para um e-commerce estão: ações de links patrocinados no AdWords e Facebook Ads, otimização de sites (SEO), planejamento e gestão em redes sociais, e-mail marketing, dentre outros.

Outro quesito importante, é pensar no sistema operacional da empresa que atuará no internet, onde o empreendedor deverá saber como estregará seus produtos e quais os melhores métodos de logística, podendo trabalhar com o sistema dos Correios ou com sistema de transporte próprio ou terceirizado.

Na internet, podemos encontrar muitas dicas e recursos de como gerenciar todas as ações que um e-commerce necessita. O Sebrae elaborou dicas sobre o planejamento de e-commerces e um infográfico bastante interessante que compara as necessidades de lojas físicas e virtuais (veja aqui) que pode ser bastante útil para quem ainda está perdido. Mas, se ainda assim o empreendedor não se sentir apto a pensar e gerir tudo sozinho, o ideal é buscar a ajuda de um profissional, que vai criar estratégias e estabelecer objetivos, pensando sempre na eficiência do resultado final.

categorias +

Posts em destaque